Blog

Redação publicitária: dicas imperdíveis para gerar bons conteúdos e fisgar consumidores

Por Danilo Lombardi

A temida página em branco, os bloqueios criativos, a convergência das plataformas. Amigos, cá entre nós, a profissão de um redator tem mais desafios do que a vã filosofia poderia supor. A começar pelos desdobramentos da crise e as reviravoltas do mercado.

Atualmente as empresas se convencem cada vez mais dos resultados que podem alcançar através da tecnologia, das experiências de marca e do marketing digital, que só em 2016 movimentou R$ 11,8 bilhões, segundo levantamento da IAB Brasil.

A comunicação mudou, e nessa toada o conteúdo se tornou a cereja do bolo. Xiiiii, mas então o off morreu? Nada. Tudo está interligado, em todas as pontas. Nos meios convencionais, na internet, no celular e por aí vai.

Com esse cenário, pego carona na reflexão do renomado criativo André Kassu, que nos define assim: “somos resolvedores de problemas, não pessoas de publicidade”.

O conteúdo é o rei do pedaço

O conteúdo é a espinha dorsal do marketing digital. E a figura do redator (Content Writer) vem despontando, pois ele é um profissional multitarefas: precisa conhecer as novas mídias na palma da mão e empregar todo seu talento para que o conteúdo se destaque no universo digital e no topo dos acontecimentos. Afinal, o “real time” é a mola propulsora de tudo.

Escrever é pouco, tem que mergulhar nos negócios

Um conteúdo atraente requer talento, estrutura textual e muito foco. Mas não só isso, é preciso assimilar o negócio no qual está criando. Afinal, você está produzindo para criar conexões poderosas e encorajar o público ao ato final: comprar/ fechar o negócio. Quanto mais feeling, melhor você entenderá como falar com diferentes consumidores em múltiplas plataformas. 

Deixe o radar (mente) sempre alerta

O aprendizado de um publicitário, principalmente um redator, tem que ser permanente, dia após dia. Além dos ouvidos sempre atentos, a cabeça tem que ser como um drone, captando e interpretando as mudanças, comportamentos sociais, linguagens, gestos, a alma do consumidor. Tudo na mesma órbita. Tem que ler, ler, ler. Escrever, escrever, escrever. Não tem outra fórmula. É dessa bagagem vivencial e soma de técnicas que jorram a inspiração para criar desde um bordão até uma grande campanha.

Contar histórias que encantam

Mesmo que os meios mudem, um bom enredo sempre cativa as pessoas. Exemplo brilhante é a campanha do “deslançamento da Kombi” que você confere aqui. Mesmo respeitando o posicionamento da marca, você pode imprimir um estilo próprio de escrita. Pode contar boas histórias! Há recursos audiovisuais para isso, como o Storytelling, que ajuda a transmitir conteúdos e promover produtos e serviços de uma forma fluida e dinâmica. Solte a mão e divirta-se!

Por fim, aqui vai um conselho que você já deve ter ouvido muito por aí: invista em sua qualidade e especialização. Submeta seus textos à apreciação de terceiros e peça-lhes que sejam críticos. O feedback sincero e coletivo faz a gente crescer. Boa sorte!

Danilo Lombardi

Redator

Profissional com especialização em redação publicitária, acumula 14 anos de experiência no mercado, com passagens por grandes agências. Na LabCom desde 2011, atendendo clientes como Amanco, Grupo Editorial – Novo Conceito, Stéfani Nogueira, Bombril e Dow AgroSciences.